Este espaço publicitário pode ser seu
Primeira página  |   Publicite connosco  |   Favoritos  |   Classificados  |   Estatuto Editorial  |  Login  | Registo Terça-feira, 12 de Dezembro de 2017
Actualidade Política Concelho Cultura Desporto Entrevista Participe Nós
 

Ex-deputado do PS reuniu com administradores da empresa
Mota quer comprar a Rádio Cávado

Dificuldades financeiras da empresa travam negócio.

O ex-deputado do PS, Manuel Mota, é um dos empresários que quer comprar a Rádio Cávado.

Leia o artigo na íntegra na edição impressa, já nas bancas, ou na edição em PDF http://www.barcelos-popular.pt/assinantes.

Autor: Pedro Granja
Quinta-feira, 28 de Julho de 2016 - 13:05:55

Notícias relacionadas
Comentar  |   Imprimir  |   Voltar...
COMENTÁRIOS
De: Maria Alice em Segunda-feira, 01 de Agosto de 2016 às 13:05:55

O PSD treme quando se fala de Manuel Mota.

De: Marta Gonçalves em Segunda-feira, 01 de Agosto de 2016 às 13:05:55

Quem afastou a Ana Maria, o Domingos Oliveira, o Rui Xavier, o Horácio Barra, o César Pires, o Alfredo Cardoso... o PS está entregue a um pequeno grupo de miúdos inconscientes...

De: Maria Pereira em Segunda-feira, 01 de Agosto de 2016 às 13:05:55

Parabéns Professor, espero que tudo corra bem.

De: Tiago Pereira em Segunda-feira, 01 de Agosto de 2016 às 13:05:55

O Professor Mota foi o responsável por me ter licenciado.
Costuma dizer-se que há um professor que marca o nosso percurso académico. O meu deve-se muito ao Professor Manuel Mota.

Tiago Pereira
Professor

De: Carlos Gomes em Segunda-feira, 01 de Agosto de 2016 às 13:05:55

Desde que Manuel Mota deixou os órgãos dirigentes do PS Barcelos instalou-se o caos.

Há muito gente que a única coisa que quer no PS é tacho e que na primeira oportunidade abandona o barco.

De: Leal Pinto em Segunda-feira, 01 de Agosto de 2016 às 13:05:55

Há comentários muito divertidos por aqui.

Então o PS Barcelos está neste estado por causa do Dr. Manuel Mota!?

Foi um deputado como nunca Barcelos teve.

Basta ver o seu registo no site da Assembleia da República e comparar com todos os outros e não só os de Barcelos.

Nas legislativas de 2011 aceitou perder o lugar de deputado para que o governo de então resolvesse o caso da água e o novo hospital para Barcelos.

Como agradecimento o PS Barcelos preferiu ter lá o Dr. Domingos Pereira, tendo o PS em Barcelos um resultado pior em Barcelos e criando uma guerra que levou à perda da cãmara mesmo antes das eleições acontecerem.

O Dr. Manuel Mota sempre teve vida própria e nunca dependeu da política para viver . Isso custa a engolir a muitos.

Foi um dos melhores deputados municipais que Barcelos teve se não o melhor.

Foi um dos melhores deputados do distrito de Braga e sem padrinhos.

É um excelente professor e digo com conhecimento de causa, já que é meu professor.

Foi e é um empresário de sucesso. Basta ver o exemplo do Centro de Estudos Dom Livro e da Pastelaria Regresso e as inúmeras vezes que foram notícia nos órgãos de comunicação social, para além do seu desenvolvimento.

É claro que o PSD local e algumas almas penadas do atual PS tremem quando se fala da hipotese dele voltar à vida política... e como eu gostaria que isso fosse real.

De: Rui Silva em Domingo, 31 de Julho de 2016 às 13:05:55

Seria um bom candidato à câmara.

De: Raul Fernandes em Domingo, 31 de Julho de 2016 às 13:05:55

A Rádio Cávado faz falta ao concelho de Barcelos. Bem haja.

De: Anónimo em Sábado, 30 de Julho de 2016 às 13:05:55

O homem intitula-se professor, empresário, político e sabe-se lá mais o quê!!!!. Uma coisa é certa, e uma nódoa em todas elas. Mas vocês não vêem que ele apenas quer protagonismo? Se o PS de BARCELOS está assim deve-se aos joguinhos de Manuel mota. Tenham maturidade e juízo. Ele não preta mesmo.

De: Rogério Gomes em Sexta-feira, 29 de Julho de 2016 às 13:05:55

Manuel Mota foi 20 vezes melhor deputado do que é Domingos Pereira e a falta que faz na Assembleia Municipal. Barcelos ficou a perder.
Comentar  |   Imprimir  |   Voltar...
« Anterior 1 2 4 5 Seguinte »
 
 
Termos de utilização  |  Política de privacidade  |  Contactos | Informação institucional - Lei da transparência